15 de out de 2014

Teoria da chave-fechadura

Esta "teoria" deve ser uma das favoritas dos seguidores da ideologia machista. Seu intuito é (tentar) comprovar que um homem que transa com várias mulheres é perfeitamente aceitável, mas o inverso não.

"Uma chave que abre vários cadeados é chamada de chave-mestra. Já um cadeado que abre com qualquer chave não presta."

Bom. Muito bom. Tenho que admitir: é uma piada criativa. Não disse teoria, eu disse piada, pois isso a meu ver nem deveria ser levado a sério. O pior é que muitos machistas por aí repetem isso como se fosse realmente uma teoria aplicável à vida.

Bem, vou apresentar também uma teoria. Vamos fazer outra analogia sobre sexualidade humana utilizando objetos para comparações.

"Um apontador que aponta vários lápis é um bom apontador. Já um lápis apontado várias vezes tem que ser descartado."

Viu como analogias com objetos podem ser feitas de várias formas, podendo até contradizer outras analogias?

Agora repitam comigo: homens não são chaves, mulheres não são cadeados.

Bom dia! :D



Um comentário:

  1. Esta analogia machista é das mais hilárias.

    Porta de residência aonde haja mais de um morador tende à ser aberta com várias chaves.

    Chave de carro abre várias fechaduras, mas não é uma chave mestra.

    Chave mestra abre só determinadas fechaduras.
    Todas elas em geral abertas também com uma chave comum, tal e qual é em hotéis.

    Não existe chave que abra todas as fechaduras. O que faz isso são ferramentas de chaveiro como a gazua, a micha, a raquete e outras.

    Já fechadura que seja aberta com qualquer chave ou objeto parecido é usada as vezes em truques de mágica.
    Eles removem o segredo do tambor, e abrem com qualquer coisa que faça o tambor girar.

    ResponderExcluir